Atlético-MG divulgou nota nesta noite do último domingo (29) na qual afirma ter cortado 25% dos salários de jogadores, comissão técnica e diretores. A medida, segundo o comunicado, será válida enquanto durar a pandemia de coronavírus. 

De acordo com o clube, funcionários que ganham até R$ 5 mil reais não sofrerão redução de seus vencimentos. 
A medida visa assegurar as finanças da agremiação.  

Sem jogos, clubes brasileiros estão tentando entrar em acordo com seus atletas para diminuir os prejuízos da parada do futebol.