Desde o dia 04 de abril, a prefeitura de Mata de São João divulga diariamente o numero de pessoas que estão sendo monitoradas com suspeita de Coronavírus – Covid-19 no município. A partir dessa data, todos os pacientes que se apresentam nas unidades de Saúde com sintomas suspeitos ao vírus são notificados num sistema criado pela secretaria municipal de Saúde (Sesau).
De acordo com o último boletim, divulgado nesta sexta-feira (10), existem 44 pessoas sendo monitoradas pela Sesau, que não foram submetidas a testes para o Covid-19. Após o registro, os pacientes são medicados e orientados, e assinam um termo de responsabilidade onde se comprometem a ficar em isolamento domiciliar por 14 dias. Caso haja agravamento dos sintomas, o paciente precisa notificar urgente à secretaria de Saúde.
“Não tem como saber se o paciente tem ou não o Covid-19. Com 14 dias ele sai do isolamento. Ficamos sem saber se foi positivo”, informou um profissional de Saúde do município ao Mais Região.
Segundo o profissional, somente os pacientes com sintomas mais graves são submetidos aos testes para Covid-19. “Quando o paciente entra muito grave, e o médico acha que é positivo mesmo, é a feita coleta do material para a realização do exame”, explicou o profissional.
Em Mata de São João, 10 pessoas foram testadas negativo para o Covid-19. O município é um dos cinco da Região Metropolitana de Salvador (RMS) que não registrou nenhum caso do Coronavírus.
Mais Região apurou que até o momento Mata de São João não recebeu os testes rápidos para a detecção do novo coronavírus em 5 minutos.
Investimentos 
Mesmo sem casos graves na cidade, a prefeitura estruturou o Hospital Municipal para atender possíveis casos graves do Coronavírus na cidade. A unidade conta com pelo menos 60 leitos exclusivos e toda estrutura para atender uma possível demanda.