Segunda, 25 de Outubro de 2021
(71) 99921-1917
Esportes Esportes

Com projeto da Bahia, primeiro bicampeão olímpico brasileiro é indicado para o Livro dos Heróis da Pátria

Adhemar Ferreira ganhou ouro no salto triplo em 1952 e 1956. Projeto da deputada Lídice da Mata (PSB) foi aprovado e agora aguarda o despacho do presidente Arthur Lira

06/10/2021 16h03
Por: Redação Fonte: Metro1
Com projeto da Bahia, primeiro bicampeão olímpico brasileiro é indicado para o Livro dos Heróis da Pátria

O primeiro brasileiro bicampeão olímpico, Adhemar Ferreira da Silva, nascido em 1927, em São Paulo, foi indicado para integrar o Livro dos Heróis da Pátria, honraria que contempla os grandes nomes nacionais do país. O Projeto de Lei 3322/2021 aprovado na Câmara é de autoria da deputada federal baiana Lídice da Mata (PSB-BA) e agora aguarda o despacho do presidente da casa, Arthur Lira (PP-AL).

 Adhemar foi medalha de ouro no salto triplo nos Jogos de Helsinki, na Finlândia (1952) e em Melborne, na Austrália (1956). “Superou todos os desafios e colocou o nome do Brasil no topo do pódio do salto triplo nos Jogos Olímpicos. Além disso, foi diversas vezes campeão brasileiro, pan-americano, sul-americano. Seu legado serviu de inspiração para atletas medalhistas olímpicos como Nelson Prudêncio, prata na Cidade do México (1968) e bronze em Munique (1972) e João Carlos de Oliveira, o João do Pulo, bronze em Montreal (1976) e Moscou (1980)", diz a parlamentar baiana. 

Fora das pistas, Adhemar Ferreira da Silva teve uma brilhante carreira acadêmica, formando-se em escultor, na Escola Técnica, em profissional de Educação Física, na Escola do Exército, Direito e Relações Públicas. Também era poliglota e foi homenageado diversas vezes no Brasil e no exterior, bem como imortalizado ao ser o único brasileiro a fazer parte da galeria da Federação Internacional de Atletismo. 

O Livro dos Heróis e Heroínas da Pátria homenageia a liberdade, a democracia e de todos os homens e mulheres que tiveram papel fundamental na construção do País.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.