Após acordo realizado por meio do programa Salvador 360, a rede Mater Dei irá construir um novo hospital em Salvador. Essa será a primeira unidade fora de Minas Gerais (Belo Horizonte), sede da empresa.

Segundo a Secretaria Municipal de Comunicação (Secom), a obra terá um investimento total superior a R$ 500 milhões e obras que devem durar três anos. Além disso, a expectativa é que o empreendimento gere cerca de 4,5 mil empregos diretos e indiretos.

O prefeito de Salvador, ACM Neto, salientou que o hospital Mater Dei em Salvador terá impacto positivo na área de assistência à saúde. “Quando estiver funcionando, deverá talvez ser o maior hospital particular da cidade. Assim, vai permitir ampliar ainda mais a rede assistencial privada, em um processo que acompanha a ampliação da rede assistencial pública, com os investimentos que estão sendo feitos pelo município na área de saúde”, disse.

O Mater Dei Salvador será um hospital geral privado com atendimento adulto e pediátrico em diversas especialidades clínicas, construído com as mais modernas técnicas sustentáveis de engenharia e arquitetura. A unidade terá cerca de 61 mil m² de área construída, com atendimento via convênios e particulares, 24 pavimentos, 369 leitos, 21 salas cirúrgicas, pronto-socorro, heliponto e mais de 740 vagas de estacionamento.

O centro médico estará localizado a 90 metros do hospital e terá quase 10 mil m² de área construída. Serão 19 pavimentos, centro de convenções, 62 consultórios, áreas administrativas e de apoio ao hospital e 91 vagas de estacionamento.