Uma substância ainda não identificada foi encontrada na Praia de Juerana, em Ilhéus, sul da Bahia, na manhã de sexta (7). Cerca de uma tonelada do material misturado com areia foi coletado no local, e uma amostra foi enviada para análise no Laboratório da Marinha do Brasil, no Rio de Janeiro. A informação foi confirmada pela Capitania dos Portos da Bahia.

A substância foi encontrada por moradores na mesma praia onde as primeiras manchas de óleo foram registradas no ano passado. A Secretaria de Meio Ambiente de Ilhéus, no entanto, afirma que o material coletado tem consistência diferente do óleo de 2019.

“Este material aderiu à uma argila própria da praia. Por isso não podemos informar ainda se é resquício daquele óleo [de 2019], ou se é de um novo derramamento. Aparentemente é óleo porque quando jogamos água fica escuro e com característica oleosa. Podem ter sido as chuvas e maré alta que trouxeram óleo que ainda estava acumulado em algum local”, disse o secretário Mozart Aragão à TV Bahia.

Em nota, a Capitania dos Portos da Bahia informou que está em contato permanente com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (IBAMA) e Agência Nacional de Petróleo (ANP) e continua realizando monitoramento em conjunto com os órgãos locais de Meio Ambiente. Ainda segundo a Capitania, novas ocorrências de óleo nas praias devem ser registradas pelo telefone 185.